Esmalte dentário: descubra o que é

Você já ouviu falar em esmalte dentário? Caso não esteja familiarizado com esse termo, saiba que ele é uma das partes mais importantes para a sua saúde bucal. Além disso, ele também carrega o título de ser a mais dura do corpo. 

Entretanto, mesmo sendo muito resistente, os esmaltes dentários não são indestrutíveis e por isso podem ser desgastados e destruídos. 

Ainda mais por bactérias que vivem na boca e microrganismos, principalmente quando o paciente não se compromete com sua higiene bucal em casos de uso de um aparelho invisível.

Portanto, confira a seguir tudo o que você precisa saber sobre os esmaltes dentários, bem como entenda a sua importância para a saúde bucal. 

Além disso, saiba os riscos que uma pessoa pode correr se tiver os esmaltes danificados, e como tratá-los e prevenir o seu desgaste para que possa ter um lindo sorriso para a vida toda.

Por que o esmalte dentário é importante?

O esmalte dentário nada mais é do que uma camada, como se fosse um esmalte de unha, que fica em volta dos dentes. Ela é extremamente dura e tem como principal responsabilidade servir de proteção. 

dentes limpos

Isso porque, os dentes possuem partes internas que são sensíveis como a dentina e a polpa. 

O trabalho do esmalte dentário é proteger essas partes de doenças bucais, assim como o sistema imunológico do corpo protege todo o sistema humano contra vírus, bactérias e microrganismos. 

Dessa forma, uma vez danificado e fragilizado, esse tecido acaba deixando um caminho livre para que essas doenças possam afetar as partes sensíveis dos dentes, questão que pode chegar a gerar a extração dos mesmos fazendo com que o paciente precise buscar por uma prótese dentária.

Quais problemas a falta de higiene bucal pode causar?

Uma vez que foi possível entender a importância dos esmaltes dentários, é importante saber que uma das coisas mais comuns que podem gerar desgastes nesses tecidos é justamente a falta de higiene bucal. 

Isso acontece porque a falta de higiene bucal na verdade é a grande vilã de problemas bucais. Basicamente, ao nos alimentarmos, os restos de alimentos ficam em nossos dentes e gengiva. 

Esses alimentos acabam atraindo bactérias que por sua vez, ao se alimentar desses restos acabam produzindo ácidos que acabam com os esmaltes dentários. 

Sendo assim, a falta de higiene pode causar doenças, como:

  • Cáries;
  • Tártaro;
  • Doença periodontal;
  • Placas bacterianas. 

Vale ressaltar que essas doenças podem ter desdobramentos caóticos, como por exemplo a necessidade de extração, assim como mencionado acima, ou até mesmo queda dos dentes nos casos mais graves, mesmo que estes possuam facetas de porcelana.

Como prevenir o desgaste do esmalte dentário?

A prevenção desse problema está atrelado à prevenção de quase 90% de todas as possíveis doenças bucais que possam afligir a saúde de sua boca. 

Portanto, para viver com dentes saudáveis, a primeira coisa que é preciso ter em mente é justamente a importância da higiene bucal. Portanto, não deixe de escovar seus dentes após todas as refeições, no mínimo três vezes ao dia, usando fio dental. 

Uma vez que tenha controle da higienização, não deixe de buscar um dentista especialista para fazer mais do que um clareamento dental a laser

É necessário voltar ao dentista a cada seis meses para avaliações e checagem. Somente dessa forma, é possível identificar problemas precoces e realizar alguns tratamentos de manutenção da saúde da boca. 

Por último, mas definitivamente não menos importante, outra coisa que deve estar atento é na sua alimentação. 

Os alimentos são extremamente importantes para a saúde do corpo como um todo e principalmente para a manutenção de um belo sorriso, além do clareamento a laser.

Beber água é fundamental para uma boca bem hidratada, questão importante para prevenir o desgaste do esmalte dentário. 

Além disso, alimentos ricos em cálcio e em outras vitaminas e nutrientes também vão ajudar o seu corpo a criar tecidos cada vez mais fortes e resistentes para um esmalte dental ainda mais saudável. 

Evite alimentos que tenham muito doce e que combine o açúcar com componentes líquidos, como por exemplo o refrigerante. 

Isso porque, esses alimentos potencializam a ação das bactérias e multiplicam as chances do desenvolvimento de doenças bucais que podem desgastar o esmalte dos dentes. Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.